Cigarro e impotência sexual: qual a relação entre eles?

Atualizado: 25 de mai. de 2021

Muito se sabe sobre os malefícios que o tabaco possui. Nesse quesito, um dos pontos que mais atormenta os homens fumantes é a relação do cigarro com a impotência sexual.


O sexo é considerado por muitos como uma prática crucial para a saúde, pois controla o estresse, diminui a ansiedade e inclusive pode combater uma série de doenças como, por exemplo, a depressão.


Por isso, deve-se dar a devida importância a esse ato e cuidar da saúde para que ele ocorra de maneira satisfatória.


Segundo um estudo do ano passado publicado na revista International Brazilian Journal of Urology a capacidade de manter a ereção diminui gradativamente ao passo que se aumenta o uso do tabaco.


Neste artigo vamos esmiuçar a relação que o cigarro tem com a impotência sexual e como esse sintoma pode prejudicar a saúde de quem sofre dele. Vamos lá!


Como acontece a ereção?


Antes de mais nada é preciso que você compreenda como acontece a ereção, estado indispensável para que o encontro sexual aconteça de forma satisfatória.


Para que o pênis fique ereto de forma adequada é preciso que as artérias do órgão estejam levando um bom fluxo de sangue para as células da região.


Uma vez que o homem recebe um estímulo de excitação, há uma compressão da veia peniana que é responsável por “drenar” o sangue levado pelas artérias de volta para a circulação.


Assim, com o impedimento do retorno sanguíneo, há um represamento de sangue que preenche os corpos cavernosos e o esponjoso do pênis, fazendo com que a ereção aconteça.


Passado o estímulo excitatório, a veia é descomprimida e o sangue é drenado para a circulação, causando a flacidez peniana.


Contudo, no caso dos fumantes há algumas diferenças que podem comprometer a ereção saudável e gerar a impotência. Vamos ver como funciona!


Por que o cigarro causa a impotência sexual?


Em primeiro lugar, é preciso dizer que dificuldades de ereção são um problema relativamente comum entre o público masculino.


De acordo com pesquisas, 2,2% dos homens brasileiros relataram sofrer com o problema.


Por outro lado, quando a pergunta é feita aos tabagistas, essa porcentagem cresce para 37%. Ou seja, é seguro dizer que a cada 100 fumantes, 37 sofrem de problemas com ereção.


Essa alarmante estatística mostra que a relação do cigarro com a impotência é incontestável na prática, mas por que ocorre na teoria? Vamos explicar…


A nicotina, a mais famosa das mais de 4720 substâncias tóxicas do cigarro tem, entre seus malefícios, a vasoconstrição, isto é, a diminuição do calibre das artérias.


Uma vez que isso ocorre, a pressão sanguínea se eleva, aumentando o risco de hipertensão arterial, e o fluxo de sangue para os tecidos diminui.


Dessa maneira, há uma quantidade menor de sangue que fica “represada” no pênis durante a excitação.


Uma redução de apenas 25% da espessura das artérias que levam sangue para o pênis pode causar a impotência sexual.


Além desse aspecto, outra consequência importante do tabagismo deve ser observada: à medida que as substâncias tóxicas do fumo entram na corrente sanguínea, elas predispõem a um processo chamado aterosclerose.


Basicamente, essa situação consiste no acúmulo de gordura na parede das artérias que se calcificam e obstruem parcial ou totalmente o fluxo da região. A depender do local onde isso ocorre as repercussões podem ser fatais.


Por exemplo, quando a obstrução se dá em artérias do coração ocorre um infarto ou quando isso ocorre na região cerebral, gera-se o chamado AVC.


Nesse contexto, as artérias penianas não ficam de fora e o depósito de gordura em suas paredes agrava o quadro de impotência sexual.


Outros males do tabagismo que afetam o sistema reprodutor


Talvez um ponto que não tenha a devida importância como há geralmente com a impotência sexual é o fato do cigarro também afetar a fertilidade do casal.


Assim, o tabagismo pode causar infertilidade tanto do homem como da mulher.


No caso feminino há problemas em relação à preservação dos seus gametas, ou seja, as substâncias tóxicas do tabaco podem comprometer a integridade das células precursoras do óvulo, causando a infertilidade visto que a mulher, diferente do homem, nasce com um número pré-determinado de células que formarão suas células reprodutivas.


Já nos homens, os malefícios do cigarro agem de forma multifatorial, uma vez que as substâncias tóxicas do tabaco interferem em glândulas participantes do eixo responsável pela produção de testosterona.


Quando esse eixo não funciona bem, a produção de espermatozóides, as células reprodutivas masculinas, é prejudicada.


Além dessa repercussão, é preciso relembrar que o cigarro diminui o fluxo de sangue, pois reduz o calibre das artérias e ainda suscita o acúmulo de placas gordurosas nos vasos.


Dessa forma, com menos sangue na região testicular, também diminui-se o número de espermatozoides produzidos pelo homem, causando uma queda em sua fertilidade.


Parar de fumar acaba com a impotência?


Sem dúvida parar de fumar é a solução para melhorar a ereção e, assim, ter relações sexuais satisfatórias.


Em questões de poucas semanas esses efeitos de melhora podem ser percebidos pelos homens, porque o calibre das artérias retorna ao fisiológico rapidamente.


No entanto, caso as artérias que levam sangue ao pênis tenham muitos depósitos de gordura, é provável que a potência sexual demore mais tempo para se restabelecer.


De qualquer forma, buscar ajuda para cessar com o tabagismo é muito importante para sua saúde, seja para acabar com a impotência, seja para melhorar a fertilidade ou para evitar doenças potencialmente letais.


Como parar de fumar é um grande desafio, pois a dependência química causada pela nicotina pode causar uma série de sintomas desagradáveis de abstinência.


Sendo assim, é muito importante que se busque ajuda especializada a fim de lidar da melhor forma possível com esses desafios.


Com o app da Dei Um Tempo você tem acesso às dicas diárias formuladas por nosso time de especialistas que vão te dar todo o suporte na sua jornada.


Conheça nossos planos e comece hoje mesmo a dar um tempo no cigarro!

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo