10 hábitos que protegem contra a demência

Atualizado: 2 de ago. de 2021

Demência é o termo utilizado para se referir a um grupo de sintomas que interfere nas funções diárias de um indivíduo.

Sendo assim, a demência não é uma doença propriamente dita, mas é caracterizada por pelo menos dois sintomas: problemas de memória e de discernimento.

Há diversos medicamentos e terapias capazes de controlar esses sintomas, mas o ideal é sempre prevenir o seu surgimento, não é mesmo?

Pensando nisso, reunimos no post de hoje 10 hábitos que protegem contra a demência. Confira!


O que causa a demência?

A demência acontece por causa da perda de função do cérebro, que pode ser causada por algumas doenças, como o Alzheimer, por exemplo.

Ela pode afetar inúmeras funções do cérebro, prejudicando assim a memória, o pensamento, a fala, o comportamento e a capacidade de julgamento. Infelizmente, a demência tende a evoluir e se agravar ao longo do tempo.

Não se sabe ao certo o que causa a demência. Mas sabe-se que a idade é um dos principais fatores de risco para o seu desenvolvimento. Além disso, há outros fatores como depressão, efeitos colaterais de medicamentos, infecções, déficits nutricionais e outros.

Dependendo da causa a demência pode ser reversível, mas em alguns casos não há cura, apenas controle dos sintomas.

Possuir um familiar com demência pode aumentar as chances de também desenvolver. No entanto, não há como ter certeza de que isso irá acontecer.

Apesar da baixa qualidade de vida, uma pessoa com demência pode viver por muitos anos.

Esquecimentos são naturais ou sinais de demência?

No geral, os esquecimentos possuem uma causa, mas nem sempre é algo grave como a demência.

No entanto, problemas de memórias ocasionais são “comuns” e podem acontecer por uso de medicamentos, álcool ou outras drogas, ansiedade, estresse, distração, déficit de atenção, depressão, esgotamento mental e outros.

Sendo assim, esquecer uma vez ou outra do nome de alguém, de algum compromisso ou das chaves do carro não é sinal de preocupação. No entanto, esquecimentos recorrentes e de coisas importantes são um sinal de alerta.


Demência provocada pelo álcool

Demência alcoólica, síndrome de Korsakoff ou síndrome de Wernicke-Korsakoff é uma forma de demência causada pelo consumo abusivo de álcool.

Entre os principais sintomas estão:

· Dificuldades de aprendizado;

· Problemas de memória;

· Alterações de comportamento e de personalidade;

· Dificuldades de raciocínio lógico;

· Problemas de discernimento e outros.

Qualquer pessoa que tenha abusado das bebidas alcoólicas ao longo dos anos pode desenvolver a demência alcoólica. Certamente, os riscos aumentam naqueles que bebem muito diariamente.


10 hábitos que protegem contra a demência.

Agora que você já sabe o que é a demência, o que ela pode causar e as principais informações, conheça alguns hábitos capazes de proteger contra a demência:

1. Preocupe-se com as vitaminas.

A falta de determinados tipos de vitaminas pode ser a causa de algumas formas de demência.

2. Invista na sua educação.

O estímulo intelectual pode retardar os sintomas de demência. Inclusive, especialistas sugerem que quanto mais anos de educação uma pessoa tiver, menores as chances de demência na terceira idade.

3. Faça palavras-cruzadas.

As palavras cruzadas assim como o estudo são uma forma de atividade intelectual, portanto, pode sim ajudar a prevenir a demência.

4. Faça a dieta do Mediterrâneo.

Alguns estudos sugerem que a dieta do mediterrâneo é capaz de proteger contra a demência. Basicamente, essa dieta consiste na ingestão de comidas frescas e naturais.

O consumo de carnes vermelhas é evitado, assim como os embutidos, os enlatados e os alimentos ultraprocessados.

Mas atenção, não faça qualquer dieta sem acompanhamento de um profissional.

5. Evite o consumo abusivo de álcool.

Conforme vimos anteriormente, a ingestão excessiva de bebidas alcoólicas pode levar à demência. Portanto, evite consumir essa substância abusivamente, ou como dizem as propagandas de cerveja: “Beba com moderação”.

6. Tenha uma boa noite de sono.

Dormir bem traz inúmeros benefícios para a saúde, ao mesmo tempo que a má qualidade do sono traz diversos prejuízos. Sendo assim, procure ter noites tranquilas para evitar a demência.

Confira: Beber ajuda a dormir melhor? Descubra!

7. Pratique atividades físicas.

Que as atividades físicas são essenciais para manter a nossa saúde todos já sabem, afinal, o sedentarismo é fator de risco para inúmeras doenças. Mas você sabia que praticar exercícios físicos regularmente é um dos hábitos que podem te proteger da demência? É o que revelam alguns estudos.

8. Cuide da sua saúde auditiva.

Se você quer cuidar da sua saúde e evitar a demência, não se exponha a altos ruídos e preste atenção ao volume do seu fone de ouvido.

9. Evite fumar ou se expor a fumaça do cigarro.

O cigarro contém mais de 4700 substâncias prejudiciais, sendo 60 delas cancerígenas. Além disso, está associado a mais de 50 tipos de doenças.

Inclusive, um estudo publicado no periódico Annals of Clinical and Translational Neurology aponta que os fumantes têm maiores riscos de desenvolver Alzheimer e outros tipos de demência.

10. Cuide da sua saúde mental.

Nós mencionamos anteriormente que a depressão pode ser uma das causas da demência. Sendo assim, procure cuidar da sua saúde mental.

Confira:

Depressão Pós-Covid – Saiba o que os estudos revelam

Depressão e álcool, qual a relação?


Considerações finais

Conforme você pôde ver, a demência não tem uma causa definida e pode acontecer em qualquer pessoa, apesar de existir relação hereditária. Também há alguns tipos que não há cura, sendo o controle dos sintomas a única forma de tratamento.

Portanto, percebe-se a importância de tomar medidas para prevenção dessa condição.

Por fim, é preciso mencionar que se você está apresentando algum sinal de demência, recomendamos que procure orientação médica para diagnóstico e tratamento correto.

Se quiser ler mais conteúdos sobre bem-estar e qualidade de vida, continue no blog.

Artigos recomendados:

· Hábitos saudáveis simples que vão transformar sua vida

· A bebida causa esquecimento? Conheça o blackout alcoólico


A Dei um Tempo ajuda pessoas que querem ressignificar a sua relação com o álcool, usando um método que precisa de 15 minutos diários. Quer saber mais? Click aqui!

92 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo